Secretário de Saúde propõe que MPPB tome providências contra o vereador Carlão

O secretário de saúde de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio, propôs na manhã desta segunda-feira, 18, que o Ministério Público deveria tomar providências em relação ao vereador Carlão que, no final de semana, divulgou vídeo caminhando na orla marítima da cidade repudiando os decretos estadual e municipal publicado, respectivamente, pelo governador João Azevedo e pelo pefeito Luciano Cartaxo, com medidas protetitas de combate ao Covid 19.

No vídeo que circula nas redes sociais, o vereador diz que não é obrigado a cumprir os dois decretos e que não vai se privar de sua liberdade devido aos dois decretos quando, existe um presidene da República que pensa totalmente o contrário. O parlamentar vai mais além quando incita os trabalhadores que estão em suas residências, pois, segundo ele, essas pessoas estão prejudicadas devido aos decretos.

Adalberto Fulgêncio foi taxativo: “Fico perplexo que esta atitude venha de um parlamentar, quando o mesmo deveria dá exemplo. O Ministério Público tem que tomar conhecimento desse vídeo e tomas as providências contra esse vereador”, afirmou Fulgêncio.

As declarações deo secretário municipal de saúde foram dadas ao vivo a Tv Cabo Branco durante o Programa Bom Dia Paraíba, nesta segunda-feira.

Por Marcos Lima

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *