Bolsonaro condena ataque a jornalistas da Globo

Jair Bolsonaro publicou nas redes sociais mensagens em solidariedade às jornalistas Marina Araújo e Renata Vasconcellos, da Rede Globo.

Na tarde desta quarta-feira, 10, Marina foi feita refém por um homem armado com uma faca que invadiu a sede da emissora no Rio e exigia falar com Renata. Ele foi contido e preso pela polícia; ninguém se feriu.

“Repudio completamente qualquer ato de violência contra profissionais da imprensa, o que vai na contramão de nossa defesa histórica e irrestrita da liberdade de expressão e de informação, seja a favor ou contra qualquer governo”, escreveu o presidente nas redes.

“Presto solidariedade às jornalistas Marina Araújo e Renata Vasconcellos, que foram alvos desse atentado covarde e inaceitável. Que o caso seja apurado brevemente e o autor punido com o rigor da lei!”, acrescentou Bolsonaro.

Fonte: O Antagonista

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *