Mudanças nas relações de emprego e trabalho diante da Covid-19 são foco do Tambaú Imóveis

A pandemia da Covid-19 ficará registrada na história, não só pelas fúnebres consequências sanitárias, mas também pelos reflexos negativos na economia e pela mudança nas relações de emprego e trabalho, inicialmente sentida com a redução da jornada de trabalho e salário e que prossegue agora com a reabertura gradual das atividades profissionais.

Nesse meio tem, porém, muitas perguntas continuam sem respostas para patrões e empregados, mas elas serão dadas de forma clara e objetivo pelos advogados especialistas no Direito do Trabalho, Diego Cabral e Paulo Maia, durante entrevista que o programa Tambaú Imóveis levará ao ar às 9h deste sábado(18).

As dúvidas mais comuns giram em torno da existência ou não, de alguma garantia durante a suspensão do contrato ou redução de jornada; da possibilidade de demissão no período de estabilidade, com adiantamento de férias e aviso prévio. Outro questionamento se dá quanto às gestantes, se podem trabalhar, integram grupo de risco ou também podem ter seus contratos suspensos.

“E a Covid-19, pode ser considerada uma doença do trabalho? quando o governo entende que o trabalhador não preenche os requisitos da suspensão e nega o benefício, quem lhe pagará?, são outros questionamentos que esclareceremos na ocasião, afirmou o jornalista João Thiago, que está temporariamente apresentando o programa, em virtude de licença do titular, Rômulo Soares, para disputa de uma vaga de vereador na Câmara Municipal de João Pessoa, como representante da cadeia produtiva da construção e do mercado imobiliário.

Sobre o programa

O Tambaú Imóveis, que vai ao ar às 9h de todos os sábados, pela TV Tambaú, Canal 5.1 e pelo site www.portalt5.com.br conta com o apoio do Sistema Cofeci-Creci e das construtoras Alliance e MRV Engenharia, bem como da Jampa Imobiliária e FK Imóveis. O quadro “Momento Imobiliário”, apresentado pelo presidente do Cofeci, João Teodoro traz mais uma importante dica para o setor.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *