Cícero diz que irá realizar choque de gestão na Saúde com reforma e ampliação do Trauminha, na Zona Sul

Na imagem o candidato a prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena durante guia eleitoral

O candidato a prefeito pela coligação “Pra Cuidar de João Pessoa”, Cícero Lucena (Progressista), anunciou que irá promover um choque de gestão na Saúde com a reforma e ampliação do Trauminha de Mangabeira, na Zona Sul da Capital, para que a unidade volte a atender com dignidade os cidadãos e cidadãs. Durante o guia eleitoral do candidato neste final de semana, foram exibidos trechos de notícias veiculadas em uma emissora de TV  da Capital sobre duas interdições realizadas neste ano pelo Conselho Regional de Medicina (CRM) dada as péssimas condições de atendimento e irregularidades. Ele garantiu que isso vai mudar.

Cicero Lucena ressaltou ainda que quem mais precisa não pode ficar aguardando tanto tempo por um exame ou uma cirurgia. “As pessoas estão sofrendo e o Trauminha precisa de um choque de gestão. Vamos reformar e ampliar esta unidade, pois não dá para continuar assim. Eu vou consertar o que está errado e fazer muito mais por João Pessoa”, afirmou.

Em suas duas gestões como prefeito da Capital, Cícero Lucena construiu e entregou o Trauminha, reabriu o Hospital Santa Isabel e tornou João Pessoa a primeira capital do Brasil com 100% de cobertura do PSF. Ele também propôs em seu plano de governo trazer de volta o programa de entrega de medicamentos de uso contínuo em casa.

Durante o guia eleitoral, Cícero conversou com a empresária Hanny Melo que precisou de atendimento no Trauminha e teve uma experiência muito turbulenta e traumática. “Quando estava lá chegou a faltar soro, medicamentos básicos, no leito tinha barata e o banheiro era muito sujo”, disse.

Já o seu esposo, Gerson Azevêdo, contou que se acreditava em Deus passou acreditar ainda mais. Tenho certeza que se dependesse do hospital, a minha esposa tinha falecido lá”, lembrou, com a esperança de que Cícero vai resolver esse problema para que outras pessoas não passem novamente por tanto sofrimento.

Wscom 

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *