São Paulo vence Lanús, mas leva gol no fim e dá adeus à Copa Sul-Americana

Chegou ao fim a precoce participação do São Paulo na Copa Sul-Americana. Após perder para o Lanús, na Argentina, por 3 a 2, o Tricolor entrou no Morumbi, na noite desta quarta-feira, com a obrigação da vitória. A classificação, inclusive, esteve perto. O time são-paulino chegou a estar vencendo por 4 a 2 até os 47 do segundo tempo, mas o gol de Orsini garantiu a classificação dos argentinos: 4 a 3.

Apesar da igualdade no agregado, a Sula utiliza o gol marcado fora de casa como critério de desempate. Com isso, o Lanús elimina o São Paulo e está garantido nas oitavas de final da competição continental. Prejuízo tricolor Quando a bola rolou, parecia que o Lanús era quem tinha perdido o primeiro jogo e precisava do resultado no Morumbi.

A postura de buscar o jogo do time argentino, inclusive, foi rapidamente premiada com um gol de fora da área de De la Vega, após saída de bola errada de Tchê Tchê. O São Paulo, por sua vez, demorou muito a acordar no jogo. A primeira chance mais importante veio só aos 25 minutos, quando Luciano chutou da entrada da área.

A bola desviou na zaga. Na sequência, veio o gol de empate. Reinaldo bateu o escanteio pela esquerda, e Daniel Alves, de cabeça, deixou tudo igual. Apesar do empate, as coisas não melhoraram para os mandantes. Não fosse Tiago Volpi, o Tricolor teria sofrido o segundo, aos 36. O goleiro são-paulino fez ótima defesa em cabeçada à queima-roupa.

No ataque, o time de Diniz sofreu com as escolhas erradas. Enquanto os brasileiros tinham dificuldades na conclusão, o Lanús foi eficiente. Aos 43, com extrema facilidade, o time argentino fez o segundo com Aguirre, que completou cruzamento de Di Placido. São Paulo busca resultado, mas é castigado no fim Na volta do intervalo, o Fernando Diniz foi para o tudo ou nada.

O técnico são-paulino sacou o zagueiro Diego Costa e mandou o atacante Pablo para campo. Logo aos três, Tchê Tchê cruzou na boa para Luciano, que testou para fora. Logo na sequência, uma pressão tricolor se instaurou no Morumbi. Brenner tentou duas vezes, Gabriel Sara acertou a trave… Até que aos 16, Daniel Alves enfiou boa bola para Pablo, que bateu cruzado e empatou a partida.

Depois de buscar o empate, os brasileiros aumentaram ainda mais a carga em busca do resultado, transformando o duelo num verdadeiro ataque contra defesa. O time da casa foi martelando, acumulou chances e, de tanto insistir, virou a partida. Aos 41, Gabriel Sara cruzou pela esquerda, e Thaller mandou contra o próprio patrimônio.

Com a virada, faltava apenas um gol para a classificação paulista. E ele veio! Aos 44, Daniel Alves colocou na área, e Gabriel Sara cabeceou para o fundo das redes.

Depois de alcançar o resultado que lhe daria a classificação, o São Paulo conseguiu sofrer, no apagar das luzes, mais um gol do Lanús. Já nos acréscimos, Orsini recebeu na área e decretou a classificação argentina em pleno Morumbi. Incrível!

O Gol

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *