LUTO NA IMPRENSA – Morre o jornalista Martinho Moreira Franco

A Imprensa paraibana está de luto. Morreu por volta das 10h deste sábado, 6, o jornalista Martinho Moreira Franco, um dos mais conceituados profissionais da comunicação no Estado. Aos 74 anos de idade, ele lutava contra um câncer, havia passado por uma cirurgia no domingo passado após ter uma obstrução intestinal de acordo com a família, ocasião em que precisou ser entubado devido a uma infecção generalizada.

O sepultamento do jornalista Martinho Moreira Franco está programado para as 17h, no Cemitério Senhor da Boa Sentença, no Varadouro. A partir das 13h ocorrerá o Velório na Central de Velórios, próximo à Praça da Independência.

Colunista do matutino A União, Martinho Moreira Franco fazia revisão de livros e já atuou em praticamente todos os veículos de comunicação da Paraíba, tendo destacada atuação em órgãos governamentais do Estado. A perda do jornalistas foi lamentada por grandes profissionais da área.

João Azevedo

O governador João Azevêdo externou profundo pesar pelo falecimento, na manhã deste sábado (6), do jornalista e publicitário Martinho Moreira Franco, um ícone do jornalismo paraibano.

Além de amigo, João Azevêdo era admirador do jornalista muito antes de ocupar o cargo de governador do estado.

Pertencente à antiga geração do jornalismo paraibano, Martinho Moreira Franco era um dos colaboradores de A União e profissional bastante respeitado no meio jornalístico e cultural. Ele se destacava pelo seu talento na arte de escrever, mas também pela sua simplicidade e postura. Repórter por essência e excelência, prezava pela verdade da informação, ensinamento passado para todos os que tiveram a oportunidade de iniciar a carreira ao seu lado. Um exemplo a ser seguido por esta geração e as vindouras.

Além de passar por diversos veículos da imprensa paraibana, Martinho Moreira Franco foi Secretário de Comunicação do Governo da Paraíba.

Neste momento de perda, o governador João Azevêdo  expressa o desejo que os amigos e familiares de Martinho Moreira Franco sejam confortados, e que seu legado possa servir como alento para preencher o imenso espaço deixado pela partida física do notável jornalista.

 

Por Marcos Lima

Compartilhar:

(Visited 22 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *