Gabigol é levado para Delegacia após ser flagrado promovendo aglomeração em Cassino

operação policial que flagrou 200 pessoas em um cassino na Vila Olimpia, na zona sul de São Paulo, encontrou o atacante Gabigol no local, e escondido embaixo de uma mesa. O jogador do Flamengo foi levado para a delegacia, onde assinou um termo se comprometendo a prestar depoimento futuramente. Na sequência, foi liberado.

O delegado Osvaldo Nico Gonçalves, do Dope (Departamento de Operações Policiais Estratégicas), da Polícia Civil, falou sobre caso em entrevista à Globo.

“(Gabigol) Não gostou muito, porque ninguém gosta de ver a polícia nesse momento. Ele tentou se esconder em uma mesa atrás de umas moças. Ele é um pouquinho nervosinho com a presença da polícia, mas depois foi conduzido para a delegacia, onde foi ouvido”, disse.

A operação na zona sul de SP contou com a presença de agentes da Vigilância Sanitária, Procon-SP e também das polícias Civil e Militar. O DPPC (Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania) será o responsável por investigar o caso.

A existência de um cassino clandestino é qualificada como contravenção e não resulta em prisão. No caso de Gabigol e das demais pessoas que foram flagradas no local, é considerado uma infração. Dessa forma, eles não correm o risco de serem presos, segundo o DPPC.

Fonte: istoe.com.br

Compartilhar:

(Visited 106 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *