Júnior Bocão volta aos quadros de filiados do DEM de Lucena

O polêmico suplente de vereador Lindeberg Ferreira da Silva (Júnior Bocão) está de volta às fileiras do Diretório Municipal dos Democratas de Lucena (DEM). Seu nome já aparece nos quadros de filiados da legenda desde o dia seis do mês passado, em mais uma conquista dele após ter sido expulso sob a acusação de “infidelidade partidária”.

“Deus é maior. De tudo fizeram para me prejudicar e hoje estou de volta ao partido que sempre amei”, disse Júnior Bocão, na tarde desta segunda-feira (30). “Não quis revelar isso a ninguém. Até esta data vinha mantendo em sigilo, mas, devido muitas conversações de que eu não estava filiado ao DEM, fiz questão de apresentar a prova”, revelou.

Júnior Bocão vinha travando uma grande batalha nos tribunais para retornar aos quadros de filiados da legenda, após ter sido expulso acusado de infidelidade partidária. A acusação foi de que ele teria “traído” o DEM nas eleições municipais de 2020 quando pulou de lado para apoiar o prefeito eleito Léo Bandeira (Solidariedade).

O Diretório Municipal do DEM expulsou ele. Júnior Bocão chegou a ser desfiliado da legenda, no entanto, recorreu e ganhou em duas instâncias. A última veio da  4ª Vara Civel do Tribunal de Justiça da Paraíba, presidida pelo desembargador João Alves da Silva. Em decisão interlocutória, proferida pelo juiz convocado Miguel de Brito Lyra Filho, o TJPB indeferiu em Agravo de Instrumento (N. 0810465-12.2021.8.15.0000) impetrado pelo DEM de Lucena, pedido para derrubar liminar concedida pelo Juízo da 2ª Vara Mista da Comarca de Cabedelo, onde determina em caráter imediato, a filiação de Júnior Bocão aos quadros da legenda, em virtude de erros gravíssimos cometido pela direção do partido, quando resolveu expulsá-lo sobre a acusação de “infidelidade partidária”.

Com o retorno de Júnior Bocão ao DEM, ele, na condição de primeiro suplente, poderá assumir a qualquer momento o cargo de vereador. Informações de bastidores apontam que um parlamentar, aliado da gestão, estaria se licenciando para tratamento de saúde, o que abriria vaga para o suplente Júnior Bocão.

Por Marcos Lima

Compartilhar:

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *