29 de setembro de 2022

peração Cérbero: polícia investiga se bandidos decapitavam cabeças de rivais

A Polícia Militar, juntamente com a Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros, fez uma de suas maiores ações integradas da Paraíba na madrugada de hoje (1), na região do Vale do Mamanguape. Foram 43 prisões em flagrante, 23 armas de fogo e, também, entorpecentes apreendidos na Operação Cérbero.

Em entrevista ao Portal MaisPB, o coronel Gilberto, comandante do Policiamento Regional III, e que participou da operação de hoje, confirmou que isso acaba com o rol investigativo de organizações criminosas, associação para o tráfico de entorpecentes e roubo e porte de armas de fogo nas cidades de Mamanguape, Jacaraú, Pedro Régis, Lagoa de Dentro, Guarabira, região sertaneja e capital.

Além disso, ele ressaltou que isso explica os recentes casos de homicídios com requintes de crueldade, como as mortes com decapitação, de acordo com os corpos encontrados recentemente no cemitério clandestino, entre Lagoa de Dentro e Duas Estradas.

Apesar disso, o coronel Gilberto reforçou que as operações e as buscas continuam: “Esse trabalho deve continuar, até porque durante a execução da operação alguns alvos não foram localizados. E nós precisamos alcança-los para dar cumprimento aos mandatos de prisão”, destacou.

Veja vídeo 

(Visited 618 times, 1 visits today)