5 de outubro de 2022

Gleisi Hoffmann rejeita substituir Ricardo após indeferimento de candidatura

A Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) descartou, nesta segunda-feira (12), substituir a candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho na disputa pelo Senado após indeferimento do petista em julgamento no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), na última sexta-feira (09).

“Seguimos confiantes. É uma questão de justiça para com o Ricardo Coutinho. Ele tem a preferência da maioria do eleitorado da Paraíba”, disse Gleisi Hoffmann ao jornalista Felipe Nunes. Com isso, o PT buscará reverter a inelegibilidade do ex-governador através de recursos no Supremo Tribunal Federal (STF).

O prazo para um possível mudança encerra nesta segunda. Só há exceção à regra em caso de falecimento, quando a substituição pode ser efetivada após a data.

No julgamento realizado pelo TRE-PB, Ricardo foi considerado inelegível para a disputa eleitoral deste ano, tendo em vista a condenação por abuso de poder político, com viés econômico, praticado nas eleições de 2014.

Com informações do site Agenda Política

(Visited 2 times, 1 visits today)